fbpx

Entidades sindicais buscam alternativas em serviços de saúde devido aos preços abusivos dos planos

Ex-presidente e membro da FPA, Alceu Moreira (MDB – RS), recebeu o Sinagências para tratar sobre a Reforma Administrativa
22 de abril de 2021
Desmonte da fiscalização da ANTT é preocupação do Sinagências
29 de abril de 2021

Os membros diretores do Sinagências, presidente, Cleber Ferreira e diretor financeiro, Wagner Dias, se reuniram na manhã desta quarta-feira (28/04), com os membros dirigentes do Sindicato dos Servidores do Poder Legislativo Federal e do Tribunal de Contas da União (Sindilegis), presidente, Alison Souza, diretor administrativo, Helder Azevedo e o diretor de benefícios, Petrus Elesbão, em agenda institucional para tratar de alternativas em serviços de saúde para os servidores públicos.

Diante de aumentos sucessivos de planos de saúde e congelamento de salários dos servidores públicos federais e do legislativo, as entidades conjuntamente se unem para traçarem formas de oferecer benefícios neste setor para servidores sindicalizados.

A gestão sindical identificou a grande demanda dos filiados por serviços no setor da saúde e vontade de migração a preços mais justos dos atualmente aplicáveis. Neste contexto além de realizar rodada de sondagem de mercado e cotações para melhor atender as expectativas dos filiados, também busca parceria com outras entidades sindicais para oferecer um serviço de qualidade, num quantitativo que possa atrair ainda mais o mercado.

Esse trabalho é criterioso e não é rápido. A entidade recebe sistematicamente demandas de filiados que estão insatisfeitos com os preços abusivos cobrados principalmente pela rede Grupo Executivo de Assistência Patronal (GEAP).

Assim, os membros diretores vêm discutindo, há meses, o melhor modo de oferecer aos filiados e servidores da categoria da Regulação Nacional uma opção de assistência médica em saúde privada, considerando as diferentes opções regionais e relações custos-benefícios disponíveis.

Esta foi uma primeira agenda para tratar do assunto, outras reuniões serão realizadas e estratégias definidas entre as partes. Além disso, outras entidades também poderão participar, caso assim desejem.

A direção sindical reitera que está atenta a esta questão e que espera em breve apresentar uma possível solução numa proposta compatível com as necessidades e possibilidades de desembolso dos filiados e suas famílias.

Fonte : Ascom/Sina

Os comentários estão encerrados.

LOGIN
WhatsApp Entre em contato